Criação

 

Qual a diferença entre o jumento e o burro?

A diferença entre o jumento e o burro-mulo está do fato de que este é o resultado do cruzamento de um asinino com um eqüino:um jumento com égua ou um burro com uma mula.

Quando o filhote desse acasalamento é uma fêmea, ela é chamada de mula; quando nasce um macho, ele é chamado de burro. No Nordeste, para evitar confusão, optou-se por chamar de "burro-mulo". O burro-mulo é estéril.

Independente do sexo, esse animal é fisicamente mais parecido com a mãe, ou seja, uma égua, mas consegue herdar do jumento a força e a resistência.

Graças ao seu formidável equilíbrio, a mula (ou burro) consegue andar por caminhos íngremes nas montanhas, sendo muito útil como animal de carga.

Os burros e as mulas têm como característica principal a forte “personalidade”. São animais que exigem muita perseverança e um trabalho específico para serem domados.

Quanto a jumento, asno e jegue, esses são nomes regionais diferentes dados para exatamente o mesmo animal: Equus asinus, uma espécie de parente do cavalo. O jumento é famoso por sua grande resistência e pode ser encontrado em praticamente todo o planeta, exceto nas regiões mais frias.

Desde o início das civilizações, ele vem sendo usado como animal de carga, sela e tração, sendo muito útil para trabalhos pesados no campo. Em média, tem 1,30 metro de altura e chega a pesar 400 quilos.

 

Por que peixe tem cheiro de peixe?

Não tem, necessariamente. O que reconhecemos como "cheiro de peixe" são odores relacionados aos produtos ou compostos resultantes da decomposição.

O peixe recém-pescado possui odor suave e agradável, algo que lembra algas marinhas. À medida que a deterioração aumenta, o cheiro se torna bem característico e insuportável.

Entre o peixe mais fresco e um totalmente podre, existem graus de decomposição toleráveis para alguns paladares. A deterioração produz uma série de substâncias que cheiram mal - cadaverina, putrescina, gás sulfídrico (cheiro de ovo podre), dimetil-sulfeto e metilmercaptana (ambos com cheiro de água de repolho). Outros compostos encontrados no pescado são o óxido de trimetilamina, conhecido como OTMA e a uréia.

Ovelhas sertanejas na alta costura

A ovelha deslanada do nordeste brasileiro, de couro macio, maleável e bastante resistente têm servido aos estilistas da alta costura européia para a confeção de vestidos, bosas, sapatos, casacos e calças. É tão macia que assegura arremates perfeitos e design bastante criativos. As raças de ovelhas cujo couro é tão valorizado é a Santa Inês, Carriri e Morada Nova. Em 1872, as matrizes que iriam constituir o rebanho do sertão, desembarcaram nos portos brasileiros vindas de Portugal.

Sexo dos suínos

Pode-se reconhecer o sexo de um suíno pela couro, o porco tem tufos de dois pêlos enquanto a porca apenas um.

Pinto-guiné

O pinto-guiné é o resultado do cruzamento de uma galinha com um guiné (galinha-d'angola). Não parece com nenhum dos pais, é estéril e muito valente.

Como saber a idade dos animais?

Sabe-se a idade de um eqüino, caprino, bovino ou ouvino pelos dentes. Um cavalo velho tem uma má dentição, dentes ausentes e cariados. Quanto pior for a dentição do animal, mais velho ele será. Nos bovinos, além do estado dos dentes, deve-se observar os sulcos anelares dos chifres, pois quanto mais sulcos mais velho o animal será.

Como saber se um ovo está fresco?

Para ser considerado fresco, um ovo tem que sido botado há um ou dois dias no máximo, mas isso não significa que um ovo um pouco mais velho seja impróprio para o consumo - ovos podem durar até um mês na geladeira.

Conforme passa o tempo, a água existente na clara vai evaporando (afinal, a casca é porosa) e uma quantidade maior de ar vai se acumulando na bolsa existente entre a clara e a casca. Quanto mais velho o ovo, mais ar na bolsa. Por isso, o teste mais comum é colocar o ovo em um copo d'água. Se boiar, é certeza de que passou do ponto. O ovo muito fresco fica no fundo do copo em posição horizontal. Se ficar de pé, mesmo que seja no fundo, significa que já se passaram uns quatro ou cinco dias desde a postura.

Como os passarinhos conseguem sair do ovo?

Eles nascem com um dentinho especial para quebrar o ovo. Feito o serviço, eles perdem esse dentinho. A operação demora dois dias.

Limpeza de ovos requer cuidados

Se o ovo destinado ao consumo não apresentar sujeiras visíveis, não precisa passar por nenhum processo de limpeza pois, durante a lavagem, pode-se danificá-lo e remover a membrana que recobre a casca, reduzindo pela metade o período de tempo que o ovo permanece fresco.

Caso haja sujeiras visíveis no ovo, é preciso lavar com água corrente para evitar a contaminação dos outros ovos. Podem ser utilizadas buchas e sabão de soda, desde que este seja completamente retirado com água corrente no final da operação. Depois de lavados, os ovos são enxugados.

No caso de ovos destinados à reprodução, a limpeza é mais complexa e difícil de ser feita de forma caseira, já quew demanda equipamentos sofisticados. Se o ovo for chocado pela própria galinha, o importante é manter limpo o ninho.

Guinés alcoólatras

Guiné é uma ave similar a uma galinha muito comum em toda a região de Barcelona. Mas, mesmo as criadas em cativeiro, são muito ariscas e de difícil captura. Comumente costuma-se abater estas aves a tiros, mas há uma alternativa menos drástica. Para isso, deve-se embeber em cachaça o milho dado como ração aos guinés. Depois de algum tempo, os guinés bêbados não oferecerão muita resistência.

As galinhas têm cio?

Não. As galinhas não sofrem alterações comportamentais nem têm manifestações externas de seu aparelho reprodutor, características próprias do cio. Nem mesmo as galinhas encontradas na natureza, que têm uma época certa para acasalar, apresentam essas alterações típicas.

O termo cio, conhecido popularmente como o período em que as fêmeas estão prontas para se reproduzir, não é usado pelos cientistas para aves. Já as galinhas de granja contam com um ciclo reprodutivo bem diferente. Geralmente a vida útil de uma ave industrial é de 64 a 80 semanas e durante todo esse período as fêmeas aceitam a corte dos machos.

Na época reprodutiva as galinhas colocam um ovo a cada 24 horas aproximadamente. Nas granjas destinadas à produção de ovos comerciais, estes não são galados - ou seja, a galinha não teve contato com o galo antes da postura e os ovos são inférteis. Já nas granjas de reprodução, as fêmeas são colocadas junto com os machos para que ocorra o cruzamento e os ovos sejam fertilizados.

Por que o galo bica a cabeça da galinha durante a cópula?

É tudo uma questão de equilíbrio. Quando o galo sobre em cima de uma galinha para fecundá-la, ele posiciona suas patas sobre as asas entreabertas da fêmea. Para se equilibrar melhor e completar o acasalamento, ele precisa de um terceiro ponto de apoio para não cair. É mais ou menos como tentar subir em uma escada sem usar as mãos. Como o galo realmente não tem braços e mãos, a saída é usar o bico para se segurar nas penas da cabeça da pobre companheira.

As bicadas não costumam machucar a galinha, a não ser nos casos em que o macho é extremamente agressivo. Depois de algumas semanas de vida sexual ativa, no entanto, algumas galinhas podem rejeitar a "paquera" de um pretendente por ter a cabeça levemente machucada. Quando isso ocorre, o galo acaba se impondo pela força.

Mandioca para galinha

A raiz da mandioca é excelente fonte energética e pode substituir o milho na alimentação de aves, desde que observados alguns cuidados. A folha de mandioca também pode ser usada como fonte protéica e para melhorar a coloração da pele das aves. Tanto a raiz como as folhas devem ser trituradas e secas à sombra durante três dias. A secagem permite a volatilização e a eliminação do ácido cianídrico.

Existem limitações nas quantidades administradas. Em aves de até 28 dias, pode-se utilizar mandioca triturada (inclusive a casca) na proporção de até 20% da ração. Para recria e engorda, o limite é de 50% para a raiz e 5% para as folhas. Em todos os casos, complementa-se com milho, sorgo, farelo e soja ou soja integral tostada, além dos suplementos minerais e vitamínico com aminoácidos. ‘ze importante adicionar 200 gramas de metionina a cada 100 quilos de ração.

Nas codornas o sexo é difícil de distinguir

Não é fácil distinguir o sexo das codornas. Em geral, os machos têm a cabeça e o peito escuros, enquanto que as fêmeas têm o peito carijó, com penas salpicadas de preto e branco. As aves estão prontas para o acasalamento por volta dos 50 dias de idade. Recomenda-se colocar numa gaiola um macho e duas fêmeas. Os ovos férteis não devem ser colocados com as galinhas. É recomendável o uso de incubadeira artificial. A incubação dura 16 ou 17 dias.

Só pela genética se sabe o sexo dos galos-de-campina

O galo-de-campina (Paroaria dominicana), típica do nordeste brasileiro, é a versão sem topete de outro pássaro comum no sudeste e sul do Brasil e chamado de cardeal (Paroaria coronata), ambos com a plumagem vermelha na região da cabeça.

Ao contrário de muitos pássaros da fauna silvestre que possuem demorfismo sexual marcadamente, no caso do galo-de-campina, é muito difícil distinguir o macho da fêmea pelas suas características físicas. Só um exame de sangue para análise cromossômica pode definir com exatidão o sexo dessas aves. Em cativeiro, pode-se saber seu sexo, já que somente o macho canta. Essas aves são facilmente criadas em cativeiro, mas lembre-se que animais silvestres precisam de autorização do IBAMA para serem criados.

Quem nasceu primeiro: o ovo ou a galinha?

Todo mundo sabe que os répteis já botavam ovos muito antes de existirem pássaros. Mesmo assim essa questão continua extremamente polêmica.

Segundo a lei da evolução das espécies, formulada por Darwin, todos os organismos se originam de outros mais primitivos por meio de mutações genéticas. Apoiado nessa teoria, Décio Altimari, geneticista da Santa Casa de São Paulo, afirma "A galinha, tal como a conhecemos, teve de surgir antes que pudesse pôr o primeiro ovo. Ela deriva de um animal menos evoluído, provavelmente também uma ave. Somente depois de se desenvolver é que um organismo pode se reproduzir".

Já Francisco Mauro Fauzano, geneticista do Instituto de Biociências da UFRS, acredita na hipótese contrária, porque a galinha não teria como botar seu primeiro ovo sem ter nascido de um. "Os ancestrais da galinha sofreram mutações a partir de mutações genéticas. Essas mutações alteraram as células germinativas, daí tais ancestrais botaram ovos que deram origem a um novo ser: a galinha", diz ele.

Gestação e incubação

A seguir o tempo de gestação e incubação de alguns animais existentes na fauna de Barcelona. Na gestação os animais crescem dentro da barriga da mãe. Na incubação, eles crescem dentro de ovos.

Gestação
Burro 330 dias
Cabra 151 dias
Cachorro 63 dias
Cavalo 330 dias
Gato 63 dias
Porco 112 dias
Raposa 52 dias
Rato 19 dias
Vaca 284 dias
Veado 201 dias

 

Incubação
Galinha 22 dias
Pato 28 dias
Peru 26 dias

 

Bichos na balança
Beija-flor 10 gramas
Pardal 50 gramas
Gato 6 quilos
Raposa 6,5 quilos
Cavalo 450 quilos
Rato 450 gramas
Vaca 800 quilos
Veado 180 quilos

Mulas

A mula é o resultado do cruzamento entre um burro e uma égua.

Quanto vivem alguns animais

Os dados abaixo são o tempo médio de vida de algumas espécies de animais encontrados em Barcelona.

tempo de vida
Cachorro 12 anos
Carneiro 10 a 15 anos
Cavalo 30 anos
Coruja 24 anos
Galinha 7 anos
Gato 13 a 17 anos
Porco 10 anos
Rato 2 a 3 anos
Vaca 15 anos
Veado 10 anos
Burro 12 anos

Qual a diferença entre o bode e o carneiro?

Uma das diferença entre um bode e um carneiro, cuja carne é menos apreciada e mais barata está os joelhos do animal. Estando a carne já despencada ou destrinchada o que dificulta o reconhecimento e dá margem a desonestidade de alguns comerciantes, perceba que o bode tem o joelho grosso enquanto o do carneiro é reto.

Cabras: sob medida para o sertão

A cabra foi um dos primeiros animais a ser domesticados pelo homem e é criada no mundo inteiro. Em Barcelona, há um rebanho considerável porque a cabra é um animal que se adapta muito bem às regiões semi-áridas, e nosso município apesar de ficar próximo ao Agreste, sofre o ciclo das secas.

No Brasil, 90% do rebanho é criado na região Nordeste (segundo dados da Secretaria de Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária da Bahia). Há desde criadores com mais de 2 mil cabeças aos pequenos que possuem poucos animais para o fornecimento de carne e leite para a família. O que faz da caprinocultura um dos empreendimentos mais prósperos da caatinga.

Tradicionalmente, quem cria bode no semi-árido acaba criando carneiro. Estima-se que 80% dos rebanhos de cabras pastem praticamente soltos pela caatinga. O que não é de se estranhar porque as cabras são famosas por não respeitar cercas. Elas são de natureza curiosa, atenta, inquieta e de espírito libertário. As cabras comem qualquer coisa e de tudo um pouco. Característica muito importante em região de seca.

A carne caprina, muito consumida no Nordeste, é uma das mais saudáveis em termos de baixos teores de gordura e colesterol. O consumo médio anual no país é de 1/2 kg por pessoa, no Nordeste chega a 40 (dados de 2002) Tem alto valor nutritivo e um teor protéico semelhante ao do boi. A carne de cabrito é comparada à de peixes como o salmão, sendo exatamente por isso, indicada principalmente para as pessoas com problemas de colesterol alto.

O leite de cabra também apresenta muitas vantagens. Ele é rico em vitaminas A e D, em cálcio, fósforo, proteínas e ferro. Inclusive, por ter alto teor de cálcio, ele é indicado também para pessoas com problemas nos ossos. O leite caprino possui baixo teor de colesterol e é facilmente absorvido pelo organismo. É de mais fácil digestão que o leite de vaca e também é indicado na alimentação de crianças que têm problemas para ingerir gorduras de produtos de origem animal. Algumas crianças e idosos são alérgicos ao leite de vaca e, por isso, precisam tomar leite de cabra. Com relação a receitas culinárias, ele pode ser usado tanto para fazer sorvete e doce de leite quanto na produção de queijos finos, onde é muito usado. Também é usado na fabricação de cosméticos e hidratantes. E além de tudo isso, algumas pessoas acham que é mais saboroso que o leite de vaca.

O couro dos caprinos é de alto valor industrial. Com ele são feitos, por exemplo, casacos, bolsas, tapetes e sapatos. Por causa do mal cheiro, quando um marchante destrincha um bode, ele o faz com cuidado para que o couro não bata na carne.

A ovelha entra no cio uma vez por ano durante o verão. A gestação dura 5 meses, depois o animal precisa de mais três para amamentar e se recuperar.

Os primeiros rebanhos de caprino chegaram com a colonização portuguesa, mas somente a partir do século XVII e XVIII houve um incremento da criação. Estes animais vieram para suprir o consumo de leite e encontraram condições favoráveis de desenvolvimento no Nordeste, devido ao clima semi-árido. Inclusive isso têm feito de nossa região a maior produtora de peles de caprino do Brasil. A raça moxotó, nativa da região, se sobressai por fornecer a melhor pele do mundo.

Uma das mais recentes noviadades culinárias do gênero é a pizza de bode que é feita com massa comum com cobertura de carne de bode moída. Também existe uma pinga que é uma combinação de leite de cabra, essência de umbu e aguardente. Essas iguarias forma expostas pela primeira vez em junho de 2000, na II Festa do Bode Rei em Cabeceira (Paraíba). Tudo desenvolvido pela UFPB - Universidade Federal da Paraíba.

Entenda o mundo das cabras

1 vaca equivale mais ou menos ao preço de 8 cabras

1 vaca 1 cabra
Pesa 250kg Pesa 200kg
Bebe 53 litros de água Bebe 48 litros de água
Gera um filhote de dois em dois anos Gera cerca de 18 filhotes em um ano
Produz 6 litros de leite Produz 8 litros de leite
245g de calorias* 235g de calorias*
23g de proteínas* 22g de proteínas*
2,9g de ferro* 1,4g de ferro*
16,00g de gordura* 16,00g de gordura*
6,80g de gordura saturada* 7,30g de gordura saturada*
Tem pequena resistência à seca Resiste mais à seca
(*) Fonte: Departamento de Agricultura dos EUA


 

Aos Navegantes | Noticiário | Entrevistas | Cultura | Crônicas | Nossa Cidade | Idioma | Homônimas